Gramática descritiva

Constituintes sintáticos

capa . acima . mapa


Prolegômenos
Fonética
Grafologia  
Morfologia
Sintaxe
Semântica

Blogs
Palavras palavras
Asfalto sem lei

Sites do autor

Crie seu site com design profissional - 504 modelos

 

 

Voltar | Acima | Avançar

Sintagma conectivo

O sintagma conectivo (SCon) medeia a relação entre duas frases ou entre dois itens enumerados de um mesmo sintagma. O sintagma conectivo pode ser formado por conectivo ou então, pelo morfema pausa.

Notação formal

  1. SCon = Con

  2. SCon = morfema pausa


 

  Lê-se:
SCon  

Sintagma conectivo

Con  

Conectivo

Nas enumerações, a prática comum é usar morfema pausa nas primeiras posições da enumeração e conectivo na última. Exemplos de uso do sintagma conectivo:

Vim, vi, venci.

Pedro, Paulo, José e João.

No primeiro exemplo, SCon media a relação entre frases e no segundo, a relação entre itens enumerados de um mesmo sintagma.

A importância do morfema pausa nas enumerações fica clara nos exemplos a seguir:

João, Paulo, Ana, Clara e Joaquim.

João Paulo, Ana Clara e Joaquim.

Na primeira enumeração, cinco pessoas são citadas e na segunda, apenas três. A única diferença morfossintática entre as duas enumerações está na colocação das pausas (vírgulas) do discurso.

Na escrita, o morfema pausa é representado por sinais de pontuação como vírgula, ponto e vírgula e ponto.

Voltar | Acima | Avançar

_
 

 

Envie esta página para um(a) amigo(a) Enviar este endereço

Este site não segue a NGB (Nomenclatura Gramatical Brasileira).

Hospedado por
Hospedagem de Sites Zooming

Integra o site Aspectos de Gramática Descritiva da Língua Portuguesa Brasileira  
(www.radames.manosso.nom.br/gramatica). Direitos reservados sob licença CC (Creative Commons).